CONTABILISTA: EXPRESSE SUA OPINIÃO!

Por Júlio César Zanluca – contabilista e coordenador do Portal de Contabilidade

Ao longo dos últimos anos, tenho observado que a classe contábil tem manifestado sua opinião sobre os assuntos profissionais e relacionados, tanto em blogs quanto nas mídias tradicionais.

Esta saudável manifestação trouxe à baila assuntos relevantes, não só para nossa classe como para o país, entre os quais:

  1. O envolvimento com campanhas contra a alta de impostos, como a MP 232 e Xô-CPMF, com participação direta dos CRCs, Sindicatos da Categoria e com colaboração maciça dos profissionais liberais de todo país.
  2. A discussão sobre a excessiva multiplicação de obrigações acessórias complexas, a incidência de multas de valores significativos e a desconsideração, pelas autoridades fazendárias, dos relevantes serviços executados pelos contabilistas nas apurações de tributos, controles e apoio a população carente (como mutirões para preenchimento e entrega da Declaração do Imposto de Renda – Pessoa Física).
  3. A divulgação das doações e deduções fiscais para os Fundos da Criança e do Adolescente, Fundo dos Idosos e outras possibilidades de doações incentivadas.
  4. Debates relevantes sobre a aplicação de Normas Internacionais de Contabilidade, e seu extremismo no Brasil (pequenos empreendimentos e entidades sem fins lucrativos são obrigados a cumprir as normas internacionais – em nenhuma parte do mundo existe um radicalismo tão grande com a abrangência de tais normas como no Brasil).

Mas reconheço que ainda temos que avançar. Nossa classe científica, que vive e coopera diariamente com empreendedores de todo país, deve avançar nas discussões e proposições de mudanças, tais como: reforma tributária, simplificação burocrática para os pequenos empreendimentos, redução de tributos, combate à corrupção e avanços na transparência das contas dos governos Federal, Estaduais e Municipais.

Conclamo você a escrever para o CRC de seu Estado, seu Sindicato e outras entidades que participa, meios formais (jornal, rádio, televisão, revistas) ou mesmo elaborar proposições abertas ao público (blogs) – não podemos mais ficar alheios às mudanças necessárias no Brasil, especialmente aquelas que atingem diretamente a população e aos negócios e empreendimentos sociais.

Se nos calarmos agora, nossa omissão será uma das causas da continuidade do sentimento de frustração que acomete os empreendedores e profissionais desta Nação. Afinal, somos quase 500.000 profissionais no país – temos força suficiente, temos votos, temos participações e lideranças, capacidades e visão necessária para colaborar com um Brasil livre da corrupção, dos desperdícios, da negligência com os recursos públicos e com a imposição de regras tributárias, contábeis, trabalhistas e previdenciárias absurdas, que inibem negócios e o crescimento econômico e social que tanto almejamos.

9 comentários em “CONTABILISTA: EXPRESSE SUA OPINIÃO!

  1. Entendo que todos os contabilistas já sofrem, entenderam nossas necessidades, mas falta a manifestação de muitos.
    Acredito que devemos reivindicar (através dos CRCs, CFC, Sindicatos etc…) e com alguma urgência o seguinte:
    l – Reforma tributária para simplificar e até diminuir os impostos cobrados pelos governos.
    2 – Melhorar os relatórios contábeis e fiscais a serem enviados à Receita Federal no sentido de evitar nossa dependência cada vez mais dos profissionais de informática e a famigerada duplicidade de informações.
    3 – Lembrar que nossos Conselhos poderiam fazer bem mais à classe contábil, a exemplo da OAB, CRMs e outros.

    1. Perfeito João, os contabilistas precisam se expressar mais, para impedir essa ditadura de proceidmentos que estamos assistindo passivamente nos dias de hoje. A classe contábil tem muitos desafios a enfrentar, mas tem que trabalhar com unidade.

  2. PORQUE OS CRCS NAO FISCALIZA ESTAS PESSOAS QUE COMPRAM PROGRAMAS DE CONTABILIDADE E TRABALHAM E CASA, PREJUDICANDO ÁQUELES(CONTABILISTAS) FORMADOS , DEVERIA SER VENDIDOS MEDIANTE O REGISTRO DO CRC,CERTO?

  3. Gostaria de externar minha opinião sobre a falta de reconhecimento por parte do Estado de modo geral nos âmbitos: Federais, Estaduais e Municipais, existe uma grande falta de reconhecimento dos trabalhos prestados pela classe contábil, junto aos órgãos da Administração Pública, não existe respeito por este profissional que ajuda o Estado a Arrecadar Tributos. O Estado deveria conceder benefícios para a classe contábil, subsidiar, fomentar esta classe que sofre absurdos para se manter no mercado. Colocar recursos a disposição para classe para melhorar suas estruturas físicas de atendimento aos seus clientes. Fazer uma força tarefa junto ao banco central no sentido de melhorar e padronizar os relatórios dos Bancos, com vista a facilitar leitura dos mesmos, pois, hoje cada Banco tem o seu modelo.

    1. Tem contador ai que trabalha o dobro, se não o triplo de muitos servidores públicos concursados, que acordão de manha e vão para as repartições burocratizar processos aludidos.

  4. No setor público a coisa tá muito feia. A STN está a colocar os pés pela cabeça, impondo um modelo alienígena de contabilidade, com roupante de novidade, justificando o processo de harmonização às normas internacionais, deixando de observar a lei.

  5. Hoje, trabalhamos praticamente para o Governo, com tanta burocracia e normas impostas pelo estado sujeita a multas abominável, os auditores da RF, só fala em multas!, multas! e mais multas!, eles esquecem que quem garante uma vida previlegiada a eles, somos nós contribuentes, cada vez mais empresas abre falência, vai chegar um tempo no Brasil, que não vai existir empresas para bancar os previlêngios de alguns burocratas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s