Anuidades CRCs para 2013

Através da Resolução 1.414/2012, o Conselho Federal de Contabilidade divulgou a tabela das anuidades para 2013, devidos pelos profissionais e escritórios contábeis:

– R$ 419,00 (quatrocentos e dezenove reais) para os Contadores e de R$ 376,00 (trezentos e setenta e seis reais) para os Técnicos em Contabilidade;

– R$ 209,00 (duzentos e nove reais) para escritório individual, empresário individual, microempreendedor individual e empresa individual de responsabilidade limitada (EIRELI);

– para as sociedades:
a) R$ 419,00 (quatrocentos e dezenove reais), com 2 (dois) sócios;
b) R$ 629,00 (seiscentos e vinte e nove reais), com 3 (três) sócios;
c) R$ 839,00 (oitocentos e trinta e nove reais), com 4 (quatro) sócios;
d) R$ 1.049,00 (mil e quarenta e nove reais), acima de 4 (quatro) sócios.

As anuidades poderão ser pagas antecipadamente com desconto, observando os prazos e condições estabelecidas. Os valores das anuidades estabelecidos para o período de 01.01.2013 a 28.02.2013 serão, exclusivamente, para pagamento em cota única.

As anuidades poderão ser divididas em até 7 (sete) parcelas mensais, hipótese em que serão atualizadas, mensalmente, pelo IPCA.

20 comentários em “Anuidades CRCs para 2013

    1. não vejo o resultado de aplicação desses recursos, o que é feito com esses valores absurdos?
      CPI nos CRC’s já!!!

    2. eu acho um absurdo o valor dessa anuidade , pois sou funcionária publica e preciso estar com o meu CRC em dia , e ainda colocam um piso para contador de 1.800,00 quase 25% o valor da anuidade absurda e com um desconto ridiculo com prazos de pagamento junto com todos outros impostos e contas que somos obrigados a pagar no começo do ano

  1. Qual será o retorno do CRC diante dessa anuidade tão abusiva. Os cursos do CRC não temos o suficiente em todas as delegacias do estado. Em Itaboraí, cujo o desenvolvimento do parque industrial é notório, não temos cursos suficientes por lá.

  2. Concordo com o André Silveira. A cobrança dessa contribuição, a esse valor, é abusiva e o CFC dveria rever esse valor.
    Todos os contadores e técnicos devem se manifestar/mobilizar para que os responsáveis (CFC) revejam.

  3. É cobrado de um contador o mesmo valor que é cobrado de um empresário contábil.

    Se você precisa de alguma orientação junto ao CRC de aplicação de regras contábeis eles não sabem fazer. As palestras e cursos são mínimos. Só vejo eles fazendo muitas festas, onde só são convidados a “nata” da contabilidade.

    Conselhos são parecidos com o senado e repartições públicas, que ganham para representar e organizar a classe, mas não fazem nada.

  4. Não existe nenhuma redução ou beneficio da anuidade para contadores aposentados que continuam trabalhando???? uma revisão dos valores da anuidade para esses profissionais deveria ser discutida e viabilizada sua aplicação pela diretoria deste conselho.

  5. Estou prestes a integrar a categoria, nos próximos meses estarei fazendo meu exame de suficiência. O detalhe sobre qualquer pagamento, de imposto, taxa ou contribuição, não está no fato de pagar em si. Mas de como é a forma que os valores pagos retornaram em benefícios a aqueles que foram obrigados a pagar.

  6. Concordo com Laura, pois sou funcionária pública também e recebo menos do que ela ainda 1.712,00, para cobrar uma anuidade tão alta o CRC deveria colocar um teto mínimo obrigatório para o salário de contador.

  7. O problema não é pagar anuidade. O problema é pagar para ser fiscalizado, multado, cassado. Se a estrutura é para fiscalizar, não faz sentido ser custeada por quem é fiscalizado. É o mesmo que pagar “anuidade” para a SRF ou Delegaria do Trabalho. Quem deveria bancar a estrutura CFC e CRCs, no modelo de atuação que temos, é o Estado.
    Mas se a ideia é ser beneficiado com apoio, orientação, cursos [incluídos na anuidade], receber orientação jurídica e assessoramento contábil, tudo bem, mas os CRC nem ventilam essa possibilidade.
    Realmente, ao que parece, essas anuidades servem mesmo para festas, salários e sabe-se lá o que mais.
    Alguém sabe onde podemos acessar as prestações de contas dos CRCs (principalmente em anos de eleição)?

  8. o CRC de Minas Gerais divulgou um balanço de 2012 no qual mostra um disponivel de R$ 19.000.000,00 sendo que R$ 6.000.000,00 a mais do que 2011, Pergunto: Quantas empresas no Brasil que tem como fim o “LUCRO” tem um disponível desses? E para que essa geração de caixa ? pois vem aumentando a cada ano, será para investir em algo grande para os contadores? Será que devemos pagar por anuidade mais de R$ 450,00? sendo que a média salarial da maioria esmagadora dos contadores é baixa.
    No mínimo é muito estranho e falta transparência, somente publicar balanço não é transparência pois isso o governo faz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s